O instrumento musical mais antigo já encontrado

O instrumento musical mais antigo é uma prova de que a música é mais antiga que a humanidade. Achados arqueológicos mostram que o Homem de Neandertal já construía instrumentos musicais.

por Rodrigo Alves Correia – Doutor em Ciência Política

Não deixa de ser curioso o fato de que os primeiros machados encontrados remontam a cerca de 1.7 milhões de anos, e as lanças mais antigas, a pelo menos 500 mil anos, porém o mais antigo instrumento musical já encontrado tem apenas pouco mais de 40 mil anos de idade.

A flauta de Divje Babe é um pedaço de fêmur de urso, com datação estimada em cerca de 43 mil anos, e tem buracos escavados em intervalos compatíveis com uma escala musical. O artefato foi encontrada em 1995 por Ivan Turk and Janez Dirjec no sítio arqueológico de Divje Babe fica localizado no noroeste da Eslovênia.

Embora exista alguma polêmica sobre se de fato o objeto é uma flauta, e portanto o instrumento musical mais antigo, a forma natural do fêmur esquerdo escolhido e o trabalho aplicado nele, de modo que a empunhadura esteja perfeitamente adaptada para alguém que seja destro. Sendo assim, seu formato não pode ser obra do mero acaso. Apesar de ser pelo menos 10 mil anos mas antiga que outras flautas encontradas no paleolítico produzidas pelo homo sapiens moderno, ela é significativamente mais capaz em termos de possibilidades sonoras.

A extinção do Homo Neanderthalensis 30 mil anos atrás, após cerca de 5 mil anos de convivência com o Homo Sapiens moderno indica a menor capacidade de adaptação por parte deles, mas isso não significa que os Neandertais fossem meros brutos incapazes. A descoberta desta flauta, bem como diversos sítios arqueológicos que comprovam rituais de sepultamento e multiplos instrumentos criados por eles, mostram que o neandertal era perfeitamente capaz de expressão artística subjetiva.

Ljuben Dimkaroski plays the Divje Babe Bone Flute

EMAP
EMAP

O vídeo acima obviamente não está executando uma música antiga, ele apenas demonstra como seria possível usar o instrumento, demonstrando suas capacidades. Ele faz parte de um projeto europeu chamado EMAP, que faz reconstruções de música da pré-história, segundo eles: “mesclando arqueologia e arte, ciência e criatividade”.

As músicas mais antigas do mundo são anteriores à própria humanidade, como vimos, mas as primeiras melodias sobre a qual sabemos o suficiente para permitir sua reconstrução sonora, tem apenas por volta de 4.000 anos, e a primeira gravação em disco no Brasil ocorreu em 1902.


Bibliografia sobre o instrumento musical mais antigo

http://www.divje-babe.si/en/the-neanderthal-flute/ http://www.bbc.com/earth/story/20140907-does-music-pre-date-modern-man https://www.youtube.com/watch?v=sHy9FOblt7Y http://www.emaproject.eu/

Deixa um comentário